Significado de Carpe Diem: O Que é, Conceito, Definição

Nesse nosso artigo da Semântica Hoje, nós falaremos sobre o significado de carpe diem. Essa expressão você já deve ter visto, em diversos lugares. De livros a tatuagens.

Essa expressão se tornou bastante famosa nas últimas décadas. Isso porque foi muito utilizada em diversas obras da cultura popular. O que a tornou muito conhecida. Até mesmo do grande público.

Assim, falaremos de todo o significado que se esconde por trás dessas duas palavras. E as implicações delas, nos contextos onde são inseridas.

Além disso, como já é de costume, mostraremos a origem do significado de carpe diem. Assim, fique com a gente para conhecer mais sobre essa expressão.

Qual é o significado de carpe diem?

A expressão carpe diem vem do latim. A sua tradução é bastante simples. No entanto, ela é capaz de carregar muito significado nessas suas palavras.

Carpe diem, literalmente, significa aproveite o dia. No entanto, apesar dessa ser a tradução literal, muitos a interpretam de maneira bastante superficial.

Isso pois o lema não se refere a aproveitar, especificamente, esse dia de hoje. No entanto, ele diz respeito a aproveitar o momento presente. Em outras palavras, extrair tudo que é possível do agora. Além de apreciar a beleza dos momentos.

Dessa maneira, os dizeres carpe diem servem, também, de alerta de que a vida é breve. E de que ela, dessa forma, deve ser aproveitada com toda a intensidade, no momento de agora.

Logo, o significado mais profundo de carpe diem é para que você aproveite o tempo de agora. Usufruindo, assim, dos momentos, sem se preocupar, em demasia, com o que pode vir a acontecer no futuro.

Assim, uma das maiores mensagens carregadas pela expressão é de que, sim, existem muitas incertezas acerca do futuro e da própria vida. No entanto, essa incerteza não pode ser motivo para que você não aproveite, ao máximo, o presente.

O carpe diem pode, assim, trazer mensagens ambíguas. Em um ponto, mostra o quanto o ser humano é pequeno, não possuindo qualquer domínio sobre o tempo ou sobre a morte. Assim, não se pode ter certeza do momento seguinte.

No entanto, o ser humano é forte e senhor do presente. Assim, ele está livre para viver o momento do agora. Mesmo que ele seja efêmero.

Qual é a origem de carpe diem?

Para que entendamos a origem do carpe diem, devemos retornar à Roma Antiga. Foi nessa época que a expressão foi usada, pela primeira vez, pelo poeta Horácio (65 a.E.C. – 8 a.E.C.).

No seu Livro I de Odes, o poeta dá conselhos a sua amiga Leuconói. Para isso, usa a frase: Carpe diem, quam minimum credula postero. Que pode ser traduzido como: Aproveite o dia de hoje e confie o mínimo possível no amanhã.

Horácio era seguidor do filósofo grego Epicuro, que vivera há mais de 300 anos antes de seu tempo. Nessa época, fundou uma escola de pensamento chamada de epicurismo, mas que o próprio filósofo chamava de O Jardim.

O nome era homenagem à casa apartada da cidade onde seus seguidores se reuniam e, até mesmo, moravam. Dentre os ensinamentos do epicurismo, estavam a crença de que a vida era breve e, também, de que a beleza, um dia, se acabará.

Assim, se tratava de uma doutrina baseada na eliminação da dor. Que poderia ser física ou emocional. E, também, na busca pela felicidade. Conceitos esses que podem ser sintetizados no carpe diem.

Logo, o conselho de Horácio é para que sua amiga viva, ao máximo, todas as possibilidades do presente. E se preocupe o mínimo possível com o futuro, visto que ele é incontrolável.

Além disso, o epicurismo rejeitava a crença em deuses ou no sobrenatural, como um todo. Isso pois a busca por se tornar um dos preferidos dos deuses (ou o medo constante de desagradá-los) poderia ser causa de ansiedade e sofrimento.

Carpe diem nas artes

Como mostramos, o uso da expressão carpe diem tem, entre outros, o objetivo de lembrar-nos da efemeridade da vida. E, assim, que cada instante merece ser aproveitado.

Esses conceitos encontram eco em diversas obras literárias. Com um destaque especial para os períodos renascentista e do maneirismo.

Também está presente na arte barroca. Nesse caso, ele convida à reflexão do curto tempo de vida de que gozam os homens.

Na arte barroca, o carpe diem geralmente se representa por flores. Que, mesmo em suas vidas breves, mostram toda a sua beleza e exuberância.

Na arte contemporânea, talvez, o maior exemplo de uso do carpe diem é no filme A Sociedade dos Poetas Mortos. No filme, o protagonista transmite essa mensagem aos alunos para que vivam, de maneira extraordinária, suas breves vidas.

O significado de carpe diem está ligado à maneira como deixamos o tempo passar, por nos preocuparmos em demasia com o que pode acontecer. Em lugar de fazer acontecer no presente.

Perguntas frequentes

Qual o real significado de carpe diem?

Usada pelo porta Horácio e m 65 a.c, carpe diem é uma expressão latina que tem como significado aproveite o momento ou colha o dia.

Qual a pronúncia correta de carpe diem?

Carpe diem é uma frase latina que pode ser traduzida literalmente como colha o dia, embora seja mais amplamente traduzida como “ aproveite o dia ”.

Confira o significado de outras palavras

Qual é o siginificado de girassol?
O que significa logradouro?
Significado de antagonista

Responder

2 × cinco =

82 − = 74