Significado de Resiliência: O Que é, Conceito, Definição

Hoje, nós falaremos sobre o significado de resiliência. E sobre as suas diversas aplicações, em diversas áreas do conhecimento.

A essa altura, você já deve ter se deparado com o termo resiliência. E, muito provavelmente, já deve ter, inclusive o utilizado.

Inclusive, é bastante provável que o seu uso esteja, até mesmo, correto. No entanto, o termo é muito mais amplo do que parece ser, a um primeiro olhar.

Assim, se você quer saber mais, continue lendo esse texto. E conheça todos os significados de resiliência.

O que é resiliência?

O significado de resiliência parece ter feito um caminho bastante comum a diversos outro termos que usados todos os dias. Da mecânica (ramo da física), passando pela psicanálise (abordagem da psicologia) para o uso diário.

Alguns outros exemplos desse caminho podem ser encontrados nas palavras recalque e estresse. No entanto, a cada mudança de área de conhecimento, o seu significado, também se altera.

Falando, especificamente, do termo resiliência, em mecânica, ele se refere a uma propriedade de um material. No caso, à capacidade de se retornar ao estado normal, após sofrer um estresse.

Quanto maior for a resiliência, maior será o estresse suportado e a deformação que pode ser sofrida. Ou, então, menor o tempo para se retornar a um estado mais estável.

Nesse sentido, o significado de resiliência se assemelha ao de elasticidade. Muito embora, esse segundo admita que algumas deformações são irreversíveis. Enquanto, na resiliência, a deformação pode ser revertida totalmente.

Resiliência na psicologia

Como já dissemos, resiliência é uma palavra emprestada da física, pela psicologia. Mais especificamente, pela psicanálise, que é uma de suas muitas abordagens. No entanto, pode ser utilizado fora dele.

Em psicologia, o significado de resiliência é a resistência às adversidades e aos diversos choques que possamos enfrentar ao longo da vida. Assim, se nos aprofundarmos, nesse sentido, podemos notar que ele é mais amplo que seu sentido original.

Podemos, da mesma forma, falar que uma pessoa é resiliente quando ele se revela capaz de retornar a um estado comum de saúde, após vivenciar uma experiência desafiadora. Seja ela a saúde física ou mental.

Dessa maneira, podemos definir a resiliência como a capacidade de enfrentarmos e superarmos as adversidades. E, logicamente, uma pessoa pode ser mais ou menos resiliente. E não ser ou não ser resiliente.

Logo, para definirmos um comportamento resiliente, devemos levar em conta dois pontos. Estamos falando tanto da crise quanto de sua superação.

Assim, quando nos deparamos com uma situação adversa ou crítica, podemos manifestar comportamentos diversos. E, sendo resilientes, podemos compreender, melhor, o problema diante de nós e, assim, nos munirmos de ferramentas para superá-lo.

Isso, de maneira nenhuma, quer dizer que a pessoa resiliente seja blindada, invulnerável ou insensível. Não quer dizer que ela sairá, ilesa, de uma situação adversa. Como dissemos, existem gradações de resiliência.

No entanto, o mais correto, é afirmar que a pessoa resiliente pode lidar com uma crise de maneira eficiente. E, assim, sair mais fortalecido dela.

Comparações entre os dois sentidos

Como você viu, em física, o sentido de resiliência é bastante específico. E, em alguns pontos, resvala o sentido de elasticidade ou de flexibilidade.

No entanto, quando partimos para o sentido de resiliência, em psicologia, ele pode se mostrar, ao mesmo tempo, semelhante e distinto do sentido original. Sem que isso o desabone.

O primeiro sentido, como mostramos, é, exatamente, a capacidade que uma pessoa tem de superar crises e retornar a um estado comum. Uma condição anterior de saúde.

Nesse primeiro sentido, temos a semelhança com a elasticidade. Isso pois, como humanos, uma experiência estressante ou traumática pode nos causar danos que podem, ou não, serem revertidos.

O segundo sentido de resiliência, na psicologia, por outro lado, pode indicar uma pessoa que passa pelas mesmas adversidades sem se abalar. E pode parecer igual ao anterior, em uma primeira vista.

Porém, se olharmos com mais atenção, ele se mostra como bastante diferente. Sob alguns olhares, até mesmo oposto do seu sentido original. Ou do primeiro sentido, na psicologia.

Isso pois o sentido de resiliência se refere à capacidade de sofrer estresse e retornar ao seu estado original. Porém, ao não se abalar, a pessoa não possui um estado original para voltar. Pois nunca saiu desse.

Dessa maneira, resiliência, aqui, possui um sentido semelhante à resistência. Que, por sua vez, é a capacidade de não se alterar, frente às adversidades.

No entanto, esses dois sentidos podem se mostrar de maneira complementar. Isso porque existem diferentes níveis de resiliência. Logo, uma pessoa pode ser bastante resistente. Mas sofrerá algum estresse, ao longo do caminho.

Resiliência no uso cotidiano

Muitas palavras utilizadas na psicologia, essas acabam por se integrar á nossa vida. Isso é, sob muitos aspectos positivo. Pois denota que mais pessoas estão procurando tratamento psicológico, para entenderem a si próprias.

Resiliência é um exemplo de palavra que fez esse caminho. E o seu sentido pode ter sido ampliado, a medida em que se torna menos profundo. Um processo de generalização, em sua melhor definição.

Assim, em administração, podemos definir a resiliência como a qualidade de se adaptar e se reinventar, para solucionar problemas. Uma qualidade bastante visada em colaboradores, por exemplo.

Podemos, então, inferir que a flexibilidade é fundamental, nesse sentido, para que se tenha resiliência. Nesse sentido, nos lembramos do conto dos bambus que se curvam e resistem à ventania, ao passo de que o carvalho, rígido, é destruído pelos ventos fortes.

Nesse caso, podemos ver dois sentidos análogos, que podem, ou não, diferir. Um é o de um profissional que se curva diante das adversidades e, depois de superá-las, volta ao seu estado original.

O outro sentido é o de adaptação. Que pode, ou não, ser permanente. Mas que é necessária para se superar desafios.

De maneira geral, a resiliência se mostra como a capacidade de manter a sua integridade, diante dos desafios. Assim, a força não está na possibilidade de se lutar contra a força. Mas em ser flexível e adaptável a elas.

A resiliência é uma capacidade do ser humano que pode ser desenvolvida para se encontrar soluções para uma situação adversa. E se adaptar, mesmo quando elas fogem do seu controle.

Confira o significado de outras palavras!

Significado de xenofobia
Qual é o significado de soberba?
O que significa empatia?

Responder

13 + cinco =

17 − 12 =